quinta-feira, 10 de março de 2011

Aquilo que chamamos de mundo

A maioria das pessoas só vivem com a finalidade de ter, ter cada vez mais. Hoje em dia quem possui mais tem o poder, status.
As pessoas não olham para dentro de si mesmas, muito menos tentam olhar para dentro de outras pessoas. O mundo melhoria, e muito, se tirássemos essa ideia da cabeça de que na vida estamos para consumir e quanto mais melhor. Imagine se tivéssemos a sensibilidade de nos colocarmos no lugar de outra pessoa e compreender o pedido de perdão dela? Mas somos orgulhosos, pensamos que só nós estamos certos, e que se pedimos perdão, ou aceitamos, estamos nos rebaixando.
Temos medo de sentir, de admitir o que sentimos, pois assim seremos bregas. Só usamos as roupas da moda, e escutamos músicas que estão tocando nas radios, pois fora isso estaríamos no passado. As pessoas teem que aprender a ser elas mesmo, ter uma identidade. Começar a pensar e agir com o cérebro e o coração sem medo do que terceiros vão pensar. Temos que ser menos ignorantes sentimentalmentes.


Triste daqueles que se privam de sentir,
de sorrir ao ver o sol raiar de manhãzinha.
O sol sai a procura da lua, sol metido e besta
brilha tanto para chamar atenção,
que afasta a afeição da sua verdadeira amada.

7 comentários:

Rubi disse...

Um texto quando bem escrito merece toda nossa atenção.

Parabéns!

Láh/ disse...

Triste realidade, né?
Se as pessoas reservassem um tempo para realmente VIVER, teriamos um mundo bem melhor para se CONVIVER.
__
E se vc se interessar, visite o Delírios e Paranóias depois! :)
Beijos.

Katrynna Chacon disse...

Oi, estou ti seguindo!
Os meus blogs, Blog pessoal
http://katrynnachacon.blogspot.com/
Blog sobre sentimentos
http://katrynnac.blogspot.com/

Fabi disse...

ter tudo e não ser feliz... triste.

Saah Assis *__* disse...

Você está certissíma, as vezes procuramos aquilo que está na moda e esquecemos do realmente gostamos. Adorei seu blog. Passa lá no meu ? http://psmylove4ever.blogspot.com/

Marília Felix disse...

Desbloqueei minhas idéias aqui!
=)

Luana Souza disse...

êee realidade, bem triste ;S