terça-feira, 22 de março de 2011

Uma carta

Finalmente tirei coragem para escrever essa carta para você. Se fosse um tempo atrás seria uma carta de amor, mas agora é somente uma carta de palavras que já não fazem diferença, escrevo de pentelha e até de besta mesmo. Espero que de alguma forma chegue a você, aos seus olhos.
Uma vez eu acreditei, uma vez não, varias vezes. E agora já nem sei, agora já nem me importo. Mudei muito, agora deixo acontecer, deixo na mão de Deus, ou como diria Zeca Pagodinho: deixa a vida me levar, vida leva eu. Já não espero mais nada, pois antes eu esperava e não se importavam de cumprir com a minha esperança. Você sempre será lembrado, não do mesmo jeito de um tempo a trás, mas será lembrado como a pessoa que me fez quebrar a cabeça, que me fez pensar, que de certa forma foi o motivo do jeito de eu ser como sou agora. O motivo de escrever essa carta na realidade nem sei, por que claro que nunca te deixarei ver, aquela parte ali em cima é mentira. Comecei escrever essa carta ah um bom tempo, naquele dia acho que queria que você lesse, hoje que estou terminando ela, me amedronto só de pensar que você sabe o que realmente tem atrás dessa guria com a cara sempre amassada. A verdade é que eu queria te ver, ver tuas expressões, reação, uma última vez pelo menos, e te dizer tchau, e finalmente acabar com essa cena que dura ah tanto tempo que não consigo começar a nem se quer escrever uma outra cena.

Com prazer, a carta que você nunca vai ler!

4 comentários:

juliana_alves disse...

"Você sempre será lembrado, não do mesmo jeito de um tempo a trás, mas será lembrado como a pessoa que me fez quebrar a cabeça, que me fez pensar, que de certa forma foi o motivo do jeito de eu ser como sou agora."

é... exatamente isso. 'De certa forma você, a nossa história foi o motivo do jeito de eu ser como sou agora.'
A pura verdade pra mim...

beeijos
juuh

Thyagoo disse...

gostei muito ó sempre posta esses textos (y)

Alice Oliveira disse...

Adorei o texto...muito lindo!!

Ahh e passando pra dar o puxão de orelha : menina...não esquece de tirar a maquiagem antes de dormir! rsrs

beijinhos moça

http://rebucomcafe.blogspot.com/

Fabi disse...

no final é sempre tchau.