domingo, 26 de junho de 2011

Fomos

Ela é tão nova, tão corajosa,
anda reinando pela casa,
suas bonecas todas organizadas,
a hora do chá ta marcada,
e eu fui convidada de honra,
sua louçinha de plástico toda rosinha
estava arrumada lindamente.

Seu quartinho era seu reino,
as bonecas suas filhas,
que ela vestia e cuidava
com um carinho imenso.

Quando se cansava da monotonia
corria para a rua de baixo
jogar bola com os meninos da sua idade.
Ela era pratica, sem rodeios,
falava sem anseio o que sentia.

O que desanima é saber que
quado ela crescer vai perder tudo isso
e, desconhecer o paraíso.

4 comentários:

leandroaleixo disse...

Talvez sim desconhecer o paraiso em que ela vivia,mais vai conhecer muitos outros paraisos!!!..vlwlwlw

Fabi disse...

é... de repente ela cresce e desconhece a magia do paraíso tão bom dos primeiros anos de vida.

Camila Brandão disse...

garota, como vc escreve bem... adorei seus textos... são todos seus???

ual...

parabéns pelo blog!

beijinhosss

camila

Larissa Brandão Mantovani disse...

Ela vai deixar o paraíso da infância, mas vai conhecer um mundo bem maior, que talvez não seja um completo paraíso, mas vale a pena conhece-lo.

Estou lendo e adorando tudo que vc escreve... Também tenho meu cantinho, se quiser conhecer ↓ http://odiariodela-haha.blogspot.com/

XOXO!♥